quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

BENFICA obrigado a vender três jogadores

LEI DO MERCADO É IMPLACÁVEL... TAL COMO A SAÚDE FINANCEIRA DOS COFRES DAS ÁGUIAS
A lei do mercado é implacável. O Benfica será obrigado a vender três jogadores no final da temporada, mesmo que obtenha o acesso direto à Liga dos Campeões.

O volumoso investimento que o clube da Luz vem realizando no plantel irá proporcionar um não menos avultado encaixe financeiro a médio prazo. O grupo de trabalho atualmente às ordens de Jorge Jesus sofrerá obrigatoriamente uma remodelação na próxima temporada, por forma a garantir a saúde financeira aos cofres dos encarnados. Neste momento, até pela forma que a equipa vem denotando, existirá muito por onde escolher no que toca à transferência de jogadores. Na primeira fila da grelha de partida encontrar-se-ão David Luiz e Di María, os quais despertam o interesse de meia Europa. Quase certa será a saída de ambos no próximo defeso.

Pérolas

A terceira "vítima" deverá sair de um quarteto que tem espalhado a classe pelos relvados portugueses... e não só. Ramires, Aimar, Saviola e Cardozo terão igualmente a continuidade em equação, sabendo-se de antemão que o Benfica não irá abrir mão de três deles.

A participação no Campeonato do Mundo, a realizar-se na África do Sul, terá um importante papel na definição do futuro profissional de qualquer destas pérolas do plantel. Deste quarteto verdadeiramente luxuoso, somente El Conejo não tem ainda assegurado o lugar na mais cintilante montra do futebol mundial.

( FONTE RECORD )

1 comentário:

Tiago disse...

há quanto tempo se lê esta lenga lenga neste jornal???

e o Benfica acabou por surpreender várias vezes, arranjando outras formas de financiamento...

claro que se houver clubes a baterem com as clausulas de rescisão o Benfica venderá e bem, e só não pode é comprar mal de seguida!